Quinta, 01 de Outubro de 2020
83996891484
Polícia Patos 2020

Héber foi o entrevistado do Programa Solnews, da TV SOL, no dia de hoje, quarta-feira, 09 de setembro

Héber Tiburtino é o terceiro de uma série de entrevistas com pré-candidatos a prefeito de Patos, e continua falando de emprego e renda

09/09/2020 15h07
338
Por: Redação Fonte: Redação, com Assessoria
Héber foi o entrevistado do Programa Solnews, da TV SOL, no dia de hoje, quarta-feira, 09 de setembro

O Programa Solnews realizou hoje, quarta-feira, 09, a terceira da série de entrevistas com pré-candidatos à Prefeitura de Patos, na Paraíba, e o convidado foi o advogado Héber Tiburtino, do Democracia Cristã.

Héber Tiburtino que compõe a chapa puro sangue, com a sua companheira de partido e cientista política, Cinthia Mambrini, tem trabalhado a pré-campanha que nomina “política de periferia”, por residirem de fato em bairros periférico da cidade e está construindo seu Plano de Governo com base nas necessidades reais das pessoas mais carentes e que estão nas periferias da cidade.

Em resposta ao apresentador do Programa indagado em relação à Prefeitura de Patos haver tido 6 gestores nos últimos 4 anos, Héber evidenciou quão importante é para o município sangue novo, ideias novas e novos nomes pleiteando os cargos de Prefeito e vereadores, para que seja mudado esse cenário de instabilidade administrativa.

Em seguida veio a pergunta do porquê, pleitear o cargo de Prefeito e não iniciar pleiteando uma vereança para crescer gradativamente na política. Foi quando o pré-candidato revelou sua candidatura haver nascido nas discussões do Movimento Inova Patos.

Márcio Costa questionou a diferença de atitude da conjuntura criada sem a negociação do toma lá, dá cá. Foi quando o advogado mostrou uma realidade vivida pelo grupo de amigos.

“Na verdade estamos construindo um Programa de Governo com várias pessoas especialistas nas diversas áreas, saúde, educação, meio ambiente, principalmente, na geração de emprego e renda e moradia, que estes são os gargalos da nossa cidade para os próximos dias...”, disse o Tiburtino.

Segundo Héber o maior problema de Patos está vivendo esse caos é a corrida da Oligarquia Hereditária que ao longo dos anos vem buscando o Poder pelo Poder e guerrilhando entre si.

“A cidade que tem um papel importante no semiárido nordestino, um papel importante no interior da Paraíba, porque geograficamente tem o Poder de Pujança de se tornar o maior centro de desenvolvimento econômico, nos próximos anos”, enfatizou Héber.

Um ponto alto da entrevista foi quando o pré-candidato demonstrou preparação e estudo dos problemas que afligem Patos, identificando esses problemas e apontando sugestões de resolutividade com base sólida. “Em breve iremos apresentar para a sociedade de Patos um Plano de Governo, no qual, mostraremos decisões importantes, como o investimento de $ 1 dólar em saneamento básico que poupará gasto de $ 3 dólar na saúde, por exemplo”.

Por fim, Héber em suas considerações finais “...Patos tem que acreditar nesses novos nomes,[...] dizer somos capazes, que estudamos toda a nossa vida para fazer a boa política. Temos experiência, temos condições de gerir um município que arrecada R$ 15 milhões de reais por mês, mais ao mesmo tempo não tem credibilidade de comprar na farmácia da esquina...”

Em todas as entrevistas concedidas pelo pré-candidato até então, ele vem mantendo uma postura retilínea, com equilíbrio e fundamentação nas suas sugestões e desejos para retomar a linha do desenvolvimento do município de Patos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias