Quinta, 03 de Dezembro de 2020
83996891484
Polícia Violência

Homicídios dolosos crescem 21,5% na Paraíba, revela Anuário Brasileiro de Segurança Pública

As Mortes Violentas Intencionais (MVI) voltaram a crescer no Brasil

19/10/2020 12h11
493
Por: Redação Fonte: Redação
Homicídios dolosos crescem 21,5% na Paraíba, revela Anuário Brasileiro de Segurança Pública

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) lamentou nesta segunda-feira (19) os dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2020 que mostram um aumento 21,5% no número de homicídios dolosos na Paraíba durante o primeiro semestre deste ano, se comparado com o mesmo período de 2019. De acordo com o levantamento, no ano passado forem registrados 437 homicídios contra 531 registradas nos primeiros meses desse ano. O parlamentar cobrou medidas do Governo do Estado em relação à política de Segurança Pública, com mudança no foco de atuação.

De acordo com Tovar, no cenário atual paraibano, enquanto cidades maiores contam com a presença do Estado para proteger a população, os municípios menores, principalmente no interior, sofrem com a ausência das forças de segurança e a falta de estrutura para elas atuem. “É necessário uma reformulação e reestruturação da segurança pública paraibana com foco também para o interior do estado. Precisamos de mais policiais e de melhores equipamentos para que os profissionais possam desenvolver um trabalho mais eficaz”, disse.

As Mortes Violentas Intencionais (MVI) voltaram a crescer no Brasil, principalmente os homicídios dolosos. Nos primeiros seis meses de 2020, acumularam um crescimento de 7,1%. Foram 25.712 mortes no primeiro semestre de 2020 contra 24.012 no mesmo período de 2019. No País, os homicídios dolosos cresceram 8,3%, passando de um total de 20.105 no primeiro semestre de 2019 para 21.764 em 2020.

O maior crescimento do período foi verificado no Ceará, que quase viu dobrar o número de MVI no primeiro semestre de 2020. Além do Ceará, outros 13 estados apresentaram crescimento de mortes violentas intencionais acima da média nacional no primeiro semestre de 2020. São eles: Paraíba, Maranhão, Espírito Santo, Sergipe, Alagoas, Paraná, Santa Catarina, Rondônia, Tocantins, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Bahia e São Paulo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias